Sala de Imprensa

Participação feminina no empreendedorismo e diversidade de talentos são destaque no CONARH 2016

Share Button

O desenvolvimento feminino no campo profissional tem crescido ao longo dos anos. Porém, as mulheres ainda recebem salários menores e muitas enfrentam dificuldades na evolução de sua carreira e no negócio próprio. O 42º CONARH, o maior evento sobre Gestão de Pessoas da América Latina e o segundo maior do mundo, discutirá a importância da diversidade de mercado e participação feminina na inovação empreendedora.

Segundo a última pesquisa da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), no ano de 2004 havia 12,5 milhões de mulheres trabalhando com carteira assinada, e a partir de 2014 esses números dobraram e alcançaram a marca dos 21,4 milhões, totalizando 43,25% dos registros. Apesar do dado apontar uma evolução profissional do sexo feminino as dificuldades e preconceitos ainda estão presentes, além de problemas comuns, como o desemprego.

Empreendedorismo feminino
De acordo com dados do Anuário das Mulheres Empreendedoras e Trabalhadoras em Micro e Pequenas Empresas, elaborado pelo Sebrae em parceria com o Dieese, o número de empreendedoras cresceu 21,4% num período de 10 anos. Mesmo com esse crescimento, as mulheres ainda são minoria dentre os empresários do país. Durante o CONARH, a palestrante Marilia Rocca, sócia da Mãe Terra, abordará o empreendedorismo feminino no mercado corporativo, destacando particularidades e os principais desafios durante o processo de inovação de negócios já estabelecidos.

“Com a atual crise financeira que o país vivencia, há um aumento na quantidade de pessoas que procuram novas formas de obter renda. Muitas mulheres acabam investindo no próprio negócio e não sabem como alavancar seu empreendimento” afirma Elaine Saad, presidente da ABRH-Brasil.

Qualificação de gênero
Hoje, as mulheres também são conhecidas por diversas qualificações naturais que tendem a desenvolver, como ótima comunicação e relação pessoal ou até mesmo a função de realizar várias tarefas ao mesmo tempo. A diversidade de talentos será colocada em pauta durante o Congresso, com a condução de Reinaldo Bulgarelli, sócio-diretor da Txai Consultoria e Educação e Wagner Brunini, diretor da Brunini Consultoria em RH e vice-presidente Financeiro da ABRH-Brasil. A proposta da palestra é destacar a valorização da pluralidade entre os profissionais e como as características, diferenças e semelhanças.

Participação especial
O programa Saia Justa do Canal GNT é conhecido por debater, de forma descontraída, temas sociais e profissionais apresentando diversas histórias de inspiração e realização. O CONARH 2016 contará com a presença das debatedoras do programa, Astrid Fontenelle, Barbara Gancia, Maria Ribeiro e Mônica Martelli, para, discutir temas como inspiração, liderança e felicidade no trabalho.

CONARH 2016
A 42ª edição do evento ocorre de 15 a 18 de agosto, no Transamerica Expo Center, em São Paulo. Confira a programação completa e as informações sobre inscrições em www.conarh.com.br.

Serviço

Local: Transamerica Expo Center
Endereço: R. Dr. Mário Villas Boas Rodrigues, 387 – São Paulo – SP
Data: 15 a 18 de agosto
Horário: 9h às 20h

Palestras
“Diversidade de talentos como diferencial significativo”
17 de agosto
12h00 às 12h30
Reinaldo Bulgarelli
Sócio Diretor da Txai Consultoria e Educação
Wagner Brunini
Diretor da Brunini Consultoria em RH e Vice-presidente financeiro da ABRH Brasil

“Mulheres Empreendedoras Corporativas”
17 de agosto
15h30 às 16h00
Marilia Rocca
Sócia da Mãe Terra

“Saia Justa na Gestão de Pessoas”
18 de agosto
12h00 às 13h45
Astrid Fontenelle
Debatedora e apresentadora do programa Saia Justa, do CANAL GNT
Barbara Gancia
Maria Ribeiro
Mônica Martelli
Debatedoras do programa Saia Justa, do CANAL GNT

Posted in: