Notícias

L’Oréal é a companhia número 1 em ética em ranking internacional

Share Button
EthicalQuote avalia desempenho em meio ambiente, impacto social e governança

globe-32299_pixabay_brA L’Oréal alcançou o primeiro lugar no ranking mundial de reputação ética da Covalence SA, o EticalQuote. A classificação avalia o desempenho das empresas em relação ao meio ambiente, à governança e a questões sociais a partir da comparação de dados informados publicamente pelas organizações e conteúdos on-line que refletem as opiniões de partes interessadas.

Entre outros critérios utilizados, também estão 50 tópicos definidos pela Global Reporting Initiative, entidade de referência global voltada para sustentabilidade.

A companhia foi a primeira colocada em uma lista com outras 580 empresas globais. Para Jean-Paul Agon, Presidente e CEO da L’Oréal, isso é resultado do engajamento diário de cada colaborador.

“Esse reconhecimento reforça a nossa firme convicção de que agir de forma ética é a única forma de construir uma empresa sustentável”, afirma. “Nossos Princípios Éticos – Integridade, Respeito, Coragem e Transparência – guiam o nosso desenvolvimento em áreas como responsabilidade social corporativa, políticas de compliance e filantropia. Tudo isso contribui para a nossa reputação”, completou

Além do primeiro lugar no ranking EthicalQuote, a L’Oréal já foi reconhecida pelo Ethisphere Institute e pelo Pacto Global das Nações Unidas como uma das empresas mais éticas do mundo. A companhia também recebeu dois prêmios de Excelência em Governança Ética e Liderança Ética da Universidade de Cergy-Pontoise, na França.

A empresa foi uma das primeiras na França a criar um Código de Ética e a nomear, em 2007, um diretor executivo especialmente destacado para cuidar de ética. Anualmente, a organização promove um Dia da Ética em suas filiais ao redor do mundo para estimular o debate sobre o tema entre os colaboradores.

“A sinceridade com a qual abordamos as questões éticas é essencial. Questões éticas são raramente simples, mas nós as tratamos com coragem”, diz Emmanuel Lulin, vice-presidente sênior e diretor executivo de Ética da L’Oréal. “A nossa cultura de integridade nos permite desenvolver relacionamentos baseados em confiança com os nossos consumidores, colaboradores, acionistas, parceiros comerciais e outras partes interessadas.”

Imagem: Pixabay